Resenha O Garoto dos Olhos Azuis

em 19 de fevereiro de 2018

O Garoto dos Olhos Azuis
Trilogia Encantados # 1
Raiza Varella

ISBN-13: 9788561784980
ISBN-10: 8561784989
Ano: 2014 / Páginas: 352
Idioma: português
Editora: Pandorga

O príncipe encantado existe?
Bárbara é linda, loira e bem-sucedida. Desde que assistiu a uma cerimônia de casamento pela primeira vez, ainda criança, seu sonho é apenas um: percorrer o tapete vermelho da igreja, vestida de noiva. Porém, contrariando todas as suas expectativas, ao ser abandonada no altar, a vida de Bárbara desmorona. Ela decide voltar à cidade natal e passa a viver com os irmãos e mais dois amigos. Todos homens. Com a ajuda de Vivian, uma espécie de Barbie Malibu, Bárbara tenta superar sua decepção amorosa recente e uma da adolescência, que volta com tudo à sua memória: o garoto dos olhos azuis. Será que o cavalo branco só passa uma vez? É isso que Bárbara vai descobrir com bom humor, jogo de cintura e uma pitada de neurose, em O Garoto dos Olhos Azuis, romance de estreia de Raiza Varella.


Resenha


Tenho adorado ler os livros da Editora Pandorga, muitas vezes tenho tido surpresas gratificantes com os lançamentos da Editora e não foi diferente com O Garoto dos Olhos Azuis de Raiza Varella.

Já tive contato com a autora nos primeiros anos do blog, mas nunca imaginei que um dia iria ler seu livro e estou muito feliz, pois foi uma leitura maravilhosa.

O Garoto dos Olhos Azuis é o primeiro livro da Trilogia Encantados, nele conhecemos Bárbara, linda e estonteante que ao ser abandonada no altar perde toda sua estrutura, ela que tinha o sonho de se vestir de noiva e percorrer o tapete vermelho em grande estilo agora está desamparada, com isso ela toma uma decisão, voltar para sua cidade natal, lá ela passa a viver com seus irmãos e mais dois amigos, ela também conhece Vivian, que a ajuda neste momento, mas em meio a tudo isso, Bárbara reencontra uma pessoa de seu passado, o garoto dos olhos azuis.


"A questão é que toda mulher tem uma princesa dentro de si em algum lugar, tem algo de único e especial que apenas um homem vai enxergar."


O que eu posso dizer deste livro?


Primeiro que o trabalho da Editora está simplesmente lindo, fiquei encantada com esta capa, é muito linda e estas cores, simplesmente maravilhoso. Quanto a diagramação, nossa, está super caprichado, foi gostoso ler este livro em meio a tanta beleza.






Adorei a narrativa da autora, narrativa leve e flui rapidamente, eu também adorei o enredo, de vez em quando gosto de romances neste estilo para fugir daqueles livros pesados, faz bem para a alma, porém o livro também tem sua dose de dramas e clichês, mas nada muito grave, eu adorei e fiquei surpresa em como gostei deste livro.


Beijos



Recesso de Carnaval

em 10 de fevereiro de 2018

Ola meus amores, como vocês estão?!


Carnaval está chegando e por isso o blog entrará em Recesso. Retornaremos nossas postagens dia 19!

Resenha A Morte Usa Gravata | Brian A. Copolla

em 9 de fevereiro de 2018
A Morte Usa Gravata
Um réquiem para aqueles do escritório
Brian A. Copolla

ISBN-13: 9788584421886
ISBN-10: 8584421882
Ano: 2017 / Páginas: 288
Idioma: português
Editora: Pandorga

Trabalhar num escritório nunca foi uma tarefa fácil e prazerosa, mexer com papéis o dia inteiro pode vir a se tornar estressante, pior ainda quando o escritório em que você trabalha é o da Morte, onde os óbitos nunca param de chegar. O trabalho de Morte é igual o de mãe, nunca acaba. O pior de tudo é que você já não pode ser demitido por falecimento, afinal, já morreu! Bem, mas nem só de tristeza e luto a morte vive, se não fosse por ela, Brian talvez nunca tivesse feito amizade com Sauro, que sem dúvida é a morte mais extravagante do ramo (e o mais folgado também). Sauro, como todo bom cidadão, odeia seu trabalho, vive fugindo das responsabilidades e chegando atrasado. Sim, isso mesmo, a morte tem vários funcionários, e sempre há vagas para novos candidatos! Então venha, deixe a gravata te enforcar, arrume seu paletó de madeira e junte-se ao serviço! Ou, pelo menos, se não conseguiu entender nada do que está acontecendo, dê uma pequena olhada no além, do outro lado da vida. Vamos, chegue mais perto, leia e descubra. Mas, tome cuidado, é só você se distrair que eles vão te forçar a ficar até depois do expediente!



Resenha



Gosto de livros inusitados e neste caso, seja pelo título ou pela capa, A Morte Usa Gravata me instigou a leitura. Sem contar que a narrativa do autor é ímpar e isso se percebe logo nas primeiras páginas.


Brian segue sua rotina diária, depois do trabalho passa em um fast-food, não quer trabalho quando chegar em casa, ele está cansado, é tanto barulho e ainda está com dor de cabeça, no ônibus em que está ele percebe um sujeito estranho e o que é pior é que ele não para de falar, tudo nele chama atenção, até seu modo de agir, Brian já não aguenta mais tanto falatório, cantoria e risadas, ele só quer chegar em casa, porém as coisas não saem como o esperado e ele nem poderia imaginar que aquele cara é um ceifador e que ainda por cima tem uma proposta de trabalho para ele, mas se ele aceitar o emprego, não vai poder pedir demissão nunca!


" - O que vai acontecer comigo?
- Duas coisas: ou você aceita minha proposta e volta a viver normalmente, porém sendo a morte, ou você morre agora e vai para o reino dos mortos. De qualquer forma vai descobrir o que há depois da vida.
- Mas lembre-se de um detalhe - continuou Sauro, mudando várias vezes o tom de sua voz, hábito com o qual eu demoraria um pouco para me acostumar -, você realmente viveu sua vida de maneira adequada para desfrutar da porta certa?"


Novidades Lilian Comunica

em 8 de fevereiro de 2018



Ola meus amores, tudo bem?


Hoje a dica de leitura é para os jovens leitores, um livro voltado para o público feminino, mas qualquer um pode ler!


Voltado para o público jovem feminino, a autora Jariane Ribeiro busca incentivar a literatura, além de passar uma importante mensagem a seu público: o do amor próprio, e que ninguém deve mudar seu jeito de ser apenas para agradar as pessoas a sua volta.